Jogador velho é que faz marofa boa

Posted in 25 de Março on 08.01.2010 by Julio Cesar

Humberto Gessinger deve estar atônito com a notícia de que Sávio – aquele do pior ataque do mundo, pare um pouquinho, descanse um pouquinho, Sávio, Romário, Edmundo – será o cérebro do Avaí. Mas como devemos construir um mundo de qualquer forma, os velhos estão aí para mostrar que sim, eles ainda fazem comida e quiçá uma ou outra jogada boa.

O Corinthians, por exemplo, faz um serviço social nunca visto na história do clube. Além de poupar a fila do INSS, ainda tenta ensinar sua torcida que Balzac existe e, ao contrário do que aparenta, não é nome de conhaque. Roberto Carlos é só mais um detalhe nesse mar de emoções alvinegros: quem morre primeiro do coração? A osteoporose atacará? Vista cansada será o novo golpe de vista? O lance é esperar. Mas não muito pois, desde que o mundo é essa gorduchinha solta no espaço, os velhos morrem.

Na outra ponta, vanguarda que sempre foi, o Palmeiras investe em nomes que tragam mais alegria para sua torcida, sempre com aperto no coração. Douglas, ex-meio campo do Corinthians, pode chegar a qualquer hora no Parque Antartica para, quem sabe, esfumaçar a mania de velhice que toma conta do futebol brasileiro. Os beques devem, sem dúvida, tremer. Porque quando o Douglas joga, essa rima é uma droga.

DOUGLAS MANO IARIARIARIARI

Squadra Caipira

Posted in anúncio, notícia with tags , , , , on 29.10.2009 by Marco Rigobelli

E essa semana a grande potência do futebol capiau de São Paulo, o Botafogo de Ribeirão Preto, anunciou um pré-contrato com o titular aposentado da Squadra Azzurra na Copa de 2002, o centro-avante Christian Vieri.

sócrates da guia

Imagem exclusiva do DVD que convenceu Vieri à jogar na grande agremiação Ribeirão Pretense

Fontes fidedignas afirmam que Vieri, então com 36 anos, estava aproveitando sua aposentadoria servindo de Capo para algum mafioso ao sul da Sicília quando recebeu um DVD contendo a proposta do Botafogo Futebol Clube e um vídeo com a história do time, mostrando sua ligação com a comunidade italiana quando as então famílias inimigas Berdinazze e Mezenga se uniram e fundaram o Societá Palestra Itália que durante a Segunda Guerra Mundial, devido as leis vigentes na época e as maquinações de seu arqui-rival Comercial, teve o nome alterado para Botafogo de Ribeirão Preto em homenagem ao clube no qual o Garrincha arrebentava.

Ao final do vídeo, a equipe técnica do clube usou as mais modernas técnicas de computação e com seu novíssimo PS3 com o Pro Evolution Soccer 2010, popularmente conhecido como “Uinguelévi novo” fizeram simulações de como seriam as atuações do craque italiano com a camisa tricolor. Dizem que a média era péssima, mas ele gostou de como a camisa caiu e prontamente assinou um pré-contrato para jogar o Paulistão.

Agora,  em um trabalho administrativo conjunto, Vieri e o Pantera (o time, não o jogador picareta) tentam convencer o semi-desconhecido ex-jogador em atividade Francesco Coco, també pseud-craque italiano na Copa de 2002 a atuar pelo glorioso clube ribeirão pretense.

Prefiro ter um filho VIADO do que um filho gordo

Posted in Brasileirão 2009 on 31.07.2009 by Julio Cesar

Quando algo estranho,
acontece na sua balança!
Quem você vai chamar?
CIRURGIÃO PLÁSTICO!

Brila muito no ectoplasma!

Brila muito no ectoplasma!

Ronaldo, sempre com foco, foi tratar de um problema na mão e voltou com uma lipoaspiração. Ora dando fora ora bolas, as pessoas se confundem.

Taí uma verdade!

Taí uma verdade!

Drops de menta da 15ª rodada

Posted in Brasileirão 2009 on 31.07.2009 by Julio Cesar

A décima quinta rodada do Campeonato Brasileiro terminou ontem com mais três jogos [texto de televisão detected]:

Flamengo 3 x 1 Atlético

Melhor da Cuca, o Flamengo atropelou o líder equino do campeonato há duas rodadas. O time de Celso@rothmail.com (piada roubada do tuiter) foi ultrapassado na tabela pelo Palmeiras, afinal aquilo lá é trabalho.

Avaí 4 x 0 Vitória

Humberto Gessinger e seus manézinhos amestrados deram uma surra no Vitória, que devia o quanto antes procurar um tabelião e resolver o grave problema com o nome que carrega.

São Paulo 2 x 1 Grêmio

No clássico da encoxada, o tricolor paulista levou a melhor sobre os gaúchos. E por baixo também. E de ladinho. Até no frango assado, se bobear.

Esfrega a lâmpada, Atlético do Paraná

Posted in Brasileirão 2009 on 30.07.2009 by Julio Cesar

O Atlético Paranaense virou aquela moça feia, estranha, cinco graus de miopia e 98 quilos de beleza – conforme descrito certa vez pelo Mega Broxas – da festa do futebol. Primeiro o cara marrento, que dá porrada e depois pergunta porque sua cerveja está quente, recusou bailar com o clube paranaense nesta pista torta do Brasileirão. Tem fome de Leão, sim, mas prefere galináceos.

Daí aquele cara estranho, meio que bipolar, que ri e chora pelos cantos e desencantos, também não quis por a moça para sambar com medo de, mais uma vez, engrossar a fila dos técnicos cotados para assumir o Flamengo pela 28ª vez no mês de janeiro. Sua Cuca não é muito boa, mas ele ainda não rasga dinheiro.

Vai restar ao clube paranaense esperar que seu princípe encantado esteja de porre. Porque só mesmo cheio de cachaça a coisa vai para frente e para trás, terminando no máximo a um passo da Sulamericana. E esse bebum nós já conhecemos, é aquele técnico que vem com barril de chopp acoplado, quase um produto Polishop. Engenhoca que, possivelmente, foi inventada por algum Geninho.

Eu sou da turma do barril!

Eu sou da turma do barril!

A diferença que a juba faz ao rei

Posted in inutilidade, notícia, opinião with tags , , , , on 30.07.2009 by Marco Rigobelli

E novamente, quase que para não perder o costume, o técnico, ex-goleiro e modelo de cuecas Emerson Leão foi demitido se demitiu. Entre toda a sorte de motivos para isso, ele usou um não muito original, já que fez uso dessa justificativa pelo menos três outras vezes. Mas nessa, o pivô foi o jogador-cigano certa vez contratado pelo Palmeiras só para que ele parasse de fazer gol no Clube, Marcelo Ramos popularmente conhecido como “aquele-que-com-certeza-já-jogou-no-seu-time”. Em mais um passo de sua busca de vida por jogar em todos os grandes clubes do Brasil, o jogador aposentado em atuação jogou ao ar a hipótese de jogar pelo Sport, então time de Glória Menezes Emerson Leão.

Leão que ruge não morde

Leão que ruge não morde

Quem acompanha futebol, sabe que isso não é novidade, Leão tem um imenso histórico de demissões engraçaralhas. Desde a por telefone quando foi técnico da Seleção Brasileira até a última vez no Santos quando para disfarçar que tinha esquecido seu crachá, ele alegou ter que pular a catraca do Clube pois torcedores ameaçavam agredi-lo.

A verdade é que desrespeitando o imponente animal inspirador de seu sobrenome, o Panthera Leo, conhecido por aqueles sem ensino médio como leão. O técnico não tem tido respeito nenhum por parte dos dirigentes e dos jogadores. Ele continua se fazendo de ranzinza, mandão e autoritário, mas a verdade é que mais ninguém cai nessa e quanto mais grosso ele fala, mais risadas os outros dão.

Vontades despertadas em sua passagem pelo São Paulo

por incrível que pareça, esse é o Leão, não o Clodovil.

Está óbvio que isso ficou realmente grave em sua passagem pelo São Paulo, quando para evitar o próprio processo enviadatório, parou de colorir os cabelos com a cor acaju que o tornou notório. Aquilo era a única coisa que ainda impunha respeito, haja visto títulos e final de Libertadores que ele conseguiu no Santos graças as cores de seus cabelos chamando a atenção da molecada santista, o que obviamente era impossível, já que com seus salários, podiam comprar Playboys, Sexys, Buttmans e pagar por toda a pornografia virtual e jogos de vídeo game que quisessem. Aposto que já era tarde demais quando ele descobriu que precisava da cor acaju para chamar a atenção dos jogadores são paulinos enquanto os mesmos pulavam corda, amarelinha, comiam algodão-doce e brincavam de médico durante os treinos.

Agora raciocinem comigo: tirando os dentes do tamanho de seu dedão, as patas poderosas, e as unhas afiadas, vocês respeitariam um leão de juba branca?

Pois é, nem eu.

Hoje, o técnico das cuecas de lycra, desonra seu gênero, fazendo Mufasa se revirar no túmulo e tornando Scar um exemplo para a espécie.

Pinta o cabelo Leão!

Tem pai que é cego, surdo e lusitano

Posted in Brasileirinho 2009 on 30.07.2009 by Julio Cesar

É sabido que criança não tem muito discernimento do que é bom ou ruim. Algumas, se pudessem, comeriam pizza e batata frita até os 27 anos. Outras aceitaram numa boa convites para um open bar em Neverland. Mas o caso do garoto Rafael é daqueles que, segundo o Datena, exige alguma ação das autoridades competentes.

E ele nem é português!

E ele nem é português!

O pequeno Rafael, além de vascaíno, é fã do Carlos Alberto. Veja a que ponto chegou o descaso com às crianças do país. É preciso dar escola, educação e o mínimo de discernimento. Afinal de contas de São Januário em diante o caminho será pavimentado pelas drogas e, bata na madeira da nau portuguesa, uma padaria próxima a São Januário.

Nunca achei que encontraria na vida um fã do Carlos Alberto. Só me falta uma coletânea do Djavan com mais de três músicas. Aí eu acredito sem querer no impossível.